André Damião e Pancreas na Associação Cultural Cecilia /SP

SextaSelo na Associação Cultural Cecilia com
André Damião e
Pancreas
*30 de Setembro, sexta
Associação Cultural Cecilia
@ Rua Vitorino Carmilo 449, Santa Cecilia /SP
a partir das 19h
$10


André Damião
trabalha de maneira transversal entre os campos da música e arte com novas mídias. Suas pesquisas são focadas em questões sobre crítica da tecnologia, som e mobilidade.

Seus trabalhos artísticos já foram apresentados em galerias e salas de concerto de 18 países, incluindo festivais como o Sonorities em Belfast, Dotmov em Tokyo, MATA festival em Nova Iorque, White Noise na Cidade do México, Network Music Festival em Birmingham, Addicted2Random em Halle e Live Code Festival em Karlsruhe.

Pancreas lançando “Mitose

Pancreas é o novo trabalho de Rossano Vittório, antigo membro da Escola Mineira de Disfunção e posteriormente do pexbaA (banda mineira experimental atuante no final dos anos 90-início de 00).
Em 2015 Rossano compôs e gravou todos os instrumentos em “Mitose“, e agora reúne músicos de formações distintas para executá-lo ao vivo, no lançamento do CD.

Rossano Vittório – voz
Philip Somervell – piano
Alexandre Amaral – percussão
Davi Bernardo – violão

Mitose” é um álbum composto por 6 pequenas peças, resultado de um estudo baseado no ponto de interseção entre as emoções expressas em dois prolongamentos apenas aparentemente distintos: os sonetos de Shakespeare e a mitologia Africana, na forma de percussão.

Em contraposição à grande parte das doutrinas religiosas, a mitologia Africana é fundamentada nos arquétipos humanos e não em uma condição imaculada, mais notoriamente representada pelo cristianismo. Os Orixás, assim como os humanos, possuem um comportamento emocional baseado em sentimentos como amor, respeito e, algumas vezes, em pertencimento. Este último, onde o ego deve estar acima do bem comum nas relações interpessoais, está presente em boa parte da literatura “mundana”, aqui especificamente nos sonetos de Shakespeare.


cartaz por Ale Amaral